domingo, 9 de agosto de 2009

Por fim, parados..

Depois de vários dias, seis para ser preciso, depois de 1100km e um depósito de gasóleo, a correr Portugal, saindo da beira em direcção a sul, eis que chegámos a um sítio onde não podíamos andar mais. Refiro-me ao cabo de Sagres que visitámos esta manhã. As gaivotas, o oceano que ruge, as falésias, o forte... Por momentos estive no ponto mais sul ocidental da Europa continental. Sempre quis conhecer Sagres. Foi hoje.
Cá está o momento:


Pouco antes, outro momento, em Sagres, congelado para a eternidade:


Depois desta passagem pelo sul dos "suis" portugueses, tempo ainda para almoçar no Algarve em Aljezur. Continuámos depois para norte, em direcção a Odemira e depois virámos à esquerda em direcção a Vila Nova de Mil Fontes. Parámos antes porém, na pousada da juventude de Almograve. Por aqui ficaremos, a trabalhar para o bronze, mas ficaremos por pouco porque trabalhar custa :)
Para ajudar a passar o tempo, porque longe vão os tempos em que brincava com a areia, comecei a ler um clássico da literatura: Oliver Twist que aliás recomendo, de Charles Dickens.
E estão assim a chegar ao fim as férias, por esse Portugal, por descobrir. Vi tantos estrangeiros por estes dias. Tantos a querer visitar o nosso país, e tantos patriotas a dizer que queiram ser espanhóis. Tenham lá juízo =)
Há coisas fantásticas não há?
Portugal é assim :)

2 comentários:

Jota M disse...

Portugal têm esSe encanto !! Proporciona momentos fantásticos a quem o decidir visitar !! É pena que os Portugueses prefiram ir para o estangeiro semconhecer o maravilhos e pequenissimo páis, que é Portugal :( !!

Mas apesar de pequenos somos um povo encantador !! É caso para dizer: " Há coisas fantásticas não há ... "


Para que o estrangeiro com as belas praias do Sul !! Adoro.vos Algarve !!

Semina disse...

É! Há gajos k tenhem sorte na vida!!! lol

vá, já chega de te gozar mano! :p

Olha aproveita bem essas férias e vai dando notícias...

Abraço

Vídeos fantásticos

Loading...