segunda-feira, 12 de janeiro de 2009

Há coisas fantásticas não há

Continuando a saga, estava eu onde? Em limoges. Ok. Estavamos nos a caminho da Suica e o condutor exausto, para nao dizer podre de sono. E eu igual porque nao dormia ha 24 horas. Paginas tantas ele abre o pisca e faz uma pergunta. Quando se esta num estado semi-hipnotico responde-se que sim a tudo, certo? Certo. Disse que sim portanto. So depois notei que ele tinha perguntado se conseguia levar aquilo. O tal aquilo era nada mais nada menos do que a carrinha, ja nao a audi, mas a mercedes vito com reboque. E assim, fiz os ultimos 100 km de estrada em franca com a carrinha, e ele a dormir ao meu lado. E que bem dormiu. Quando estavamos a chegar a fronteira trocamos outra vez de papeis. Quando passamos pela parte francesa, ao contrario do que costuma acontecer, fomos mandados parar, ai comecam os problemas. A carrinha era nao do patrao mas da mulher, tinha matricula suica e nao tinha a licenca para o trasporte, ou seja, depois de 1800 km descobri que estava a fazer uma viagem, para todos os efeitos, ilegal. Estava previsto o transporte na outra carrinha, uma sprinter, com licenca. mas essa, essa estava na oficina por problemas tecnicos. Enfim. Entraram na carrinha, pediram documentos, perguntaram quanto pagavamos. E dissemos que eramos amigos. Todos amigos. Tentei falar em todas as linguas que arranho, mais aquelas que falo bem, mas nao percebiam. Em frances so consegui dizer que tinha nascido na suica, que vinha de ferias... Enfim... Montes de tempo. Perderam-se em perguntas, quantos condutores, quantas paragens, quantas horas de viagem, quanto dinheiro pago; revistaram a carrinha a procura de ticket`s. Uma horita ali. Mais a frente, outro controle, este sim, justificado porque estavamos a entrar no pais e nao a sair. Uns metros atras senti-me um marroquino, com todo o respeito, ou entao um magrebino dos "banlieux" parisienses, com cadastro, sem documentos, trotskista e subversivo. Uma vez na suica, finalmente apetece dizer, comecamos as entregas. Pareciamos um restaurante take-away. Comecamos em Geneve. Depois foi a vez de um outro tipo. Quando este saiu da Audi, ficou a mesma sem condutor. Passei eu ao volante dessa. Fiz uns 100 km e paramos para uma outra entrega ainda na parte francesa. Conduzi depois ate Bern, e ai, ja perto de casa, passei para o carro, nao de um terceiro mas de um quarto :)
Pouco depois, uns 50 km, estava em "casa" (do meu primo) . Finalmente. 28 horas depois da fatidica sopa. Comi que nem uma vaca, e fui dormir. 13 horas foram seguidas. As outras saboreadas entre acordar e dormir. Estava mesmo cansado. Primeiras impressoes? Ta friozito. 10 negativos. De dia claro. A noite desce ainda mais. E entao quando fui dormir ao Jungfraujoch, nem vos conto. Alias, ate conto. Daqui a uns dias. Ai espero finalmente colocar fotos. Vou explicar-vos porque e que ia morrendo. Aproveitem para ver o site deles. Ate breve. Desculpem os acentos, ou a falta deles. Sinto-me um assassino, como dakelex k xcrevem axim :o)
bjx
Alias, beijos, ou se for caso disso, abracos :o)

4 comentários:

Bárbara Cunha disse...

Oi mano... A isso é que eu chamo espírito imigra... Nada como 28h de cú quadrado dentro de uma carrinha a confraternizar com o rapaziada, tudo amigalhaços, não é mesmo??

Qual magrebino... Devias ter-te sentido como os romenos, ucranianos e outros que tais que são infiados dentro de carrinhas, pagam balúrdios e ainda são traficados.

[ó menino a acusar os trotskistas de coisas tão feias... vê-la se o miguelito - irmão do das feiras - ainda não se vem aqui inpirar pro próximo discurso inflamado no Parlamento Europeu]

p.s. não te esqueças de exigir uma redução no preço cobrado (chiuuuuu - ninguém ouviu) devido ao facto de teres ajudado o amigalhaço-condutor-ensonado a levar a lata velha sem licenças...

Lúcia disse...

Bem...definitivamente tu és o maior aventureiro k eu conheço...tenho a certeza que vais encontrar toda a adrenalina que procuras ou melhor...muita, muita mais!!!!!Tudo de bom meu lindo!!!

*heidi* disse...

oh páh...xeu ganda axaxino da ligua ptuguexa...fonix páh...n voltx a tcl cmgo, k n falo cm ppl k tcl axim...óbixtix vem??arranja masé maneira d encntrar os axentos fonix! LOL**

Marta Ribeiro disse...

Ahhhhh...cristovão só TU!!!
hihihi
estou à espera da história de como ias morrendo, ou se calhar prefiro não saber:X
Se calhar dentro de uns anitos já podes escrever um livro a contar as tuas histórias insolitas*
Provavelmente seria um Best Seller...Já te adicionei à minha lista de blogues não quero perder nem um episódio. Lool,cuida-teeee*

Vídeos fantásticos

Loading...